Tipos de Mutação

Tipos de mutação:

A mutação pode ser dividida em duas partes, mutação genica e mutação cromossômica e ao longo deste post iremos abordar essas duas maneiras de mutação.

Mutação Genica:

A mutação genica e responsável pelas alterações que ocorrem nas bases nitrogenadas do DNA, dando lhe assim novas características aos portadores dos genes. Na mutação gênica pode ocorrer substituição, eliminação ou inserção de uma ou várias bases na cadeia de DNA.

Substituição: ocorre a troca de uma ou mais pares de base;

Eliminação: E quando ocorre a eliminação de uma ou mais bases do DNA, modificando assim a  ordem de leitura da molécula, durante a replicação ou transcrição;

inserção: E quando ocorre a adição de uma ou mais bases ao DNA, modificando a ordem de leitura da molécula, durante a replicação ou a transcrição;

silenciosa: Ocorre quando à substituição de um nucleotídeo especifico do DNA e não ocorre alterações nos  aminoácidos sintetizado.

Mutação Cromossômica:

A mutação cromossômica ela causa  alterações nas estruturas dos cromossomos, ou pode afetar os números dos cromossomos e a mutação cromossômica, pode ser dividido em mutações numéricas e mutações estruturais.

Mutação numérica : 

elas podem ser chamadas de aneuploidias ou euploidias, ou pode se chamar aberrações numéricas.

Aneuploidias: ocorre quando à perda ou ganho no número de cromossomos, devido a erros de distribuição dos cromossomos durante a mitose ou a meiose essa anomalia genica trás consigo as seguintes doenças como: Síndrome de Dow e a Síndrome de Turner por exemplo.

Euploidias: E quando ocorre a perda ou acréscimo de genomas inteiros, eles ocorrem quando o genoma se duplica, mas a célula não se divide. Neste caso podem surgir indivíduos triploides tetraploides ou poliploides.

Mutações estruturais: São alterações que afetam a estrutura dos cromossomos, ou seja, o número ou o arranjo dos genes nos cromossomos.

A classificação se pode ser feita da seguinte maneira:

  • Deficiência ou deleção: quando falta um pedaço ao cromossomo;
  • Duplicação: quando o cromossomo tem um pedaço repetido;
  • Inversão: quando o cromossomo tem um pedaço invertido;
  • Translocação: quando um cromossomo tem um pedaço proveniente de um outro cromossomo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *